Uber e Apple Pay – Andar com carteira pra quê?

Aqui é o Rodrigo novamente. Estou começando a pegar gosto pelos posts. 🙂

Nessa semana aconteceu algo um pouco inusitado. Eu esqueci a minha carteira no quarto do hotel. Só me dei conta desse detalhe quando fui sair pra almoçar com os colegas. Eu não precisei de dinheiro pro taxi pela manhã porque pego Uber todos os dias pra ir e voltar e o pagamento já é feito diretamente no meu cartão de crédito. Adoro o Uber. Acho muito prático o fato de que não preciso abrir a carteira, andar com dinheiro, ter dinheiro trocado, esperar pelo troco, etc. Não vou entrar na discussão que está rolando no momento no Brasil e nem tomar partidos. O fato é que o serviço já está bem consolidado aqui e é utilizado amplamente em +300 cidades no país.

Quando saí pra almoçar e fui dar aquela velha apalpada pra ver se a carteira estava lá, tomei aquele susto. Depois lembrei que por sorte, eu já havia cadastrado o meu cartão de débito no Apple Pay e o meu local de trabalho, o Whole Foods (cadeia de supermercados orgânicos) aceita esse tipo de pagamento. Logo, não passei fome =P E é muito simples e rápido. O pagamento é feito por NFC e basta aproximar o celular da máquina de cartão.

E quando larguei do trabalho, peguei um Uber novamente. E não precisei da minha carteira pra nada durante o dia inteiro.

E essa é a tendência. Com o Passbook, não precisamos carregar ingressos e tickets de embarque, entre outras coisas. E se você tem preocupações com segurança, o Apple pay utiliza a biometria (sua impressão digital) para ativação e utiliza rigorosos processos de segurança e privacidade, como você pode ver no trecho abaixo:

IMG_3879

“Segurança e privacidade estão no centro do Apple Pay. Quando você está usando o Apple Pay em uma loja, restaurante ou outro estabelecimento comercial, os caixas não veem mais o seu nome, número do cartão de crédito ou código de segurança, ajudando a reduzir o potencial das fraudes”, disse Eddy Cue, vice-presidente sênior de Software e Serviços de Internet da Apple. “A Apple não coleta sua história de compras, portanto não sabemos o que você comprou, onde comprou ou o quanto pagou. E, se você perder seu iPhone ou se ele for roubado, você pode usar o aplicativo Buscar iPhone para imediatamente suspender os pagamentos a partir daquele dispositivo”.

E a lista de estabelecimentos que aceitam Apple Pay só faz crescer. Se quiser aprender um pouco mais, confira esse link:

http://www.tecmundo.com.br/apple-pay/63027-funciona-apple-pay-o-novo-sistema-pagamentos-iphone.htm

Compartilhe nos contando sua opinião/experiência sobre esse assunto... :-) :-*

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s